Formando um Time de Alto Impacto

Formando um Time de Alto Impacto

Um time de alto impacto é formado por pessoas com alta capacidade e que compartilham os mesmos valores que a empresa. Um depende do outro. De nada adianta ser uma pessoa super alinhada com o pensamento da organização, mas não possuir capacidade técnica para lidar com os desafios do dia-a-dia. Da mesma forma não será produtivo para a empresa ter uma pessoa que desempenha suas funções muito bem, mas que vive em conflito com o modus operandi da organização.

Em outro post eu escrevi sobre a Cultura de Alto Impacto e como ela pode se tornar um importante diferencial competitivo para as organizações quando ela existe e é aplicada. No entanto, ficou faltando uma parte: como chegar nesse “time campeão”?

A Cultura, formalizada ou não, existe em todas as organizações e o primeiro passo é identificá-la para saber sobre o que você está falando. Junte as principais pessoas da sua equipe e pergunte quais são os valores que eles acreditam que fazem a empresa funcionar.

Fazer sempre a coisa certa? Valorizar o funcionário? Valorizar os clientes? Não desperdiçar com bobagens?

Algo mais? Cite todos!

O resultado será um resumo da personalidade da sua organização. Esses são os valores que norteiam suas decisões mais difíceis e nos quais a sua empresa se sustenta.

O resultado desse “balanço comportamental” pode levar a duas conclusões:

  1. Gosto desses valores e quero reforçá-los ainda mais;
  2. Não gostei do que vi, preciso incutir novos valores se quiser continuar a crescer.

Se você está na primeira opção o seu trabalho é conversar seriamente com a equipe de Gente e Gestão (Recursos Humanos) da sua empresa para que a seleção de funcionários leve em consideração esses valores. Quando eu trabalhava na Ambev o primeiro critério levado em consideração no momento de contratar era o potencial técnico da pessoa, mas se ela não estivesse alinhada com a Cultura da empresa ela não seguia adiante. Simplesmente não seguia. Lembro de uma seleção que o participante citou como seu principal defeito o “não gostar de acordar cedo”. Whaaaaaat? Numa empresa como a Ambev? Deu pena…

Se você está na segunda opção aí o seu trabalho será um pouco maior. Primeiro porque os valores que a sua organização apresenta são o resumo da sua equipe, ou seja, se você quiser mudanças profundas você terá que substituir as pessoas que influenciam negativamente o seu time. Segundo porque mudanças na Cultura de uma empresa só funcionam quando a Alta Direção pratica esses valores. Se você quer criar uma cultura que valorize o caixa da empresa não pode renovar sua frota com carros importados para os Diretores todos os anos. Se você quer criar uma cultura de “gastar sola de sapato” não pode ficar trancado no ar-condicionado quando seus vendedores estão na rua tentando fechar negócios.

Trata-se de colocar em prática aquilo que você diz que é!

Os valores de uma empresa, principalmente quando estão sendo reformulados, precisam ser vividos pela alta direção. As pessoas precisam perceber que o que está sendo cobrado delas está sendo praticado por quem está hierarquicamente acima delas.

Ter pessoas formidáveis na sua equipe deixou de ser uma garantia de sucesso. Elas precisam estar unidas e trabalhando pelo mesmo objetivo e a única coisa capaz de integrar todas essas necessidades é uma Cultura alinhada e principalmente vivida por todos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *